TELHADOS VERDES — Por que eles são demais, e como construí-los

casa linda

Telhados verdes são coberturas em casas, prédios e outros edifícios que contêm uma camada de terra e vegetação. Eles têm uma capacidade significativa de retenção de água da chuva e devolução para a atmosfera por evapotranspiração. Também ajudam a diminuir a poluição, reduzir as ilhas de calor, favorecem a biodiversidade (especialmente avifauna, abelhas, etc.), além de deixarem a cidade muito mais bonita. Eles também podem ser usados para produzir alimentos (horta sobre o telhado!), além de lindas flores, ervas, etc. Eles chamam atenção por seu aspecto inusitado, pitoresco e extraordinariamente natural. Além disso, dão excelente conforto acústico e térmico à casa. Por isso tudo, não é surpreendente que despertem o interesse de tantos bioconstrutores e permacultores.

Telhados verdes podem ser construídos de diversas maneiras, com técnicas diferentes. A técnica mais convencional consiste de uma laje de concreto com declividade de pelo menos 2% (para evitar a estagnação da água), fortemente impermeabilizada por manta asfáltica ou manta plástica grossa, sobre a qual se adiciona uma camada de argila expandida para propiciar drenagem, uma manta permeável e, por cima desta, uma camada de solo onde vão as plantas.

rooftop garden em Guangxi - China

Outra opção mais simples e ainda assim muito efetiva é simplesmente encher sua laje de vasos, e plantar de tudo! Para ver o que é possível com essa abordagem, leia este inspirador ARTIGO.

Agora, telhados verdes também podem ser feitos de forma mais simples e barata, sem a necessidade de se ter uma laje. Em cima de um madeiramento convencional de telhado, ao invés das telhas você instala um “telhado” de chapas de compensado de obra tipo “madeirite” (existem hoje no mercado placas semelhantes feitas a partir de caixas de leite longa vida recicladas, que podem ser uma excelente alternativa). Sobre as chapas, você prega sarrafos de 5 cm de altura, em posição horizontal, em linhas espaçadas a cada 60 a 75 cm, por todo o telhado — esses sarrafos criarão barreiras que ajudarão a manter a terra no lugar. Deve-se instalar também uma tábua de madeira na posição vertical, que suba 10 cm acima do nível do compensado ao redor de todo o telhado, para conter a terra. Por sobre isso tudo, você instala uma camada de carpete de forração (de preferência carpetes velhos, que podem ser obtidos de graça em reformas de prédios), uma lona plástica impermeável e resistente, e mais uma camada de carpete — assim, a lona estará protegida do contato direto com a madeira ou a terra, evitando perfurações ou roturas. Por fim, cubra com uma camada de 10 cm de terra misturada com composto orgânico, e plante placas de grama. Está pronto!

A grama deve ser plantada em dias chuvosos, para que pegue. Uma vez que a grama estiver estabelecida e a terra estabilizada sobre o telhado, você poderá plantar outras coisas, como flores, ervas e hortaliças, etc., diretamente sobre a grama. Agora, se você não quiser plantar grama, pode simplesmente cobrir a terra com uma boa camada de palha (cobertura vegetal morta), que evitará que a terra escorra em dias de chuva. Conforme a palha se degradar, haverá o crescimento natural e espontâneo de plantas que, com suas raízes, estabilizarão a terra permanentemente.

telhado verde grama

Alguns cuidados são necessários em relação ao telhado verde, e os principais pontos são estrutura, impermeabilização e manutenção.

Deve-se ter em mente desde o início que telhados verdes são substancialmente mais pesados que outros tipos de telhados, ficando ainda mais pesados em dias de chuva. Por isso, toda a casa, desde a fundação, paredes até a própria estrutura do telhado, deve ser feita com resistência suficiente para comportar esse peso.

Além disso, ninguém quer um telhado que vaze! Além do incômodo das goteiras, vazamentos também levam ao apodrecimento do madeiramento, trazendo sérios riscos ao telhado e à construção. Por isso, as medidas citadas acima, ou outras equivalentes, devem ser observadas com a máxima seriedade, e quaisquer infiltrações que venham a ocorrer devem ser prontamente sanadas.

Normalmente, telhados verdes são relativamente sazonais: na época das secas, as plantas secarão (e o telhado não parecerá tão verde), para na próxima estação chuvosa voltarem a florescer. Lembre-se: todas as lindas fotos que vemos de telhados verdes são tiradas na época das chuvas! Não espere que seu telhado se pareça com aquilo o ano todo. Teoricamente, você poderia manter seu telhado irrigado, mas na prática isso raramente é feito, até mesmo por representar um gasto excessivo e desnecessário de água, que pode anular ao menos em parte os benefícios ambientais desse tipo de telhado. Porém, aqui há opções: você pode contar com um bom sistema de captação e armazenamento de água da chuva, com uma cisterna sobre o solo ou subterrânea, e uma bomba solar que leva a água até uma caixa sobre o telhado, para uso em irrigação. Isso é válido principalmente nos casos em que se cultiva alimentos no seu teto verde.

Simple-Organic-Rooftop-Garden

Outro ponto que merece atenção é a manutenção, especialmente em relação ao crescimento de árvores. Deve-se ficar de olho, e cortar árvores que inventem de crescer no telhado, pois elas têm o potencial de perfurar a camada de impermeabilização e literalmente destruir o telhado. Mas não arranque as árvores, pois com isso você arrancará também uma grande porção de terra do telhado — ao invés disso, é melhor apenas cortá-las rente à camada de solo, deixando suas raízes lá, que continuarão atuando na fixação do solo, sendo portanto até úteis.

Cottage

Isto tudo e muito mais no livro “A Crise Ambiental e Civilizacional e a Alternativa da Permacultura”! Adquira já um exemplar impresso AQUI, ou se preferir, baixe grátis!

Um comentário em “TELHADOS VERDES — Por que eles são demais, e como construí-los

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s